terça-feira, 13 de agosto de 2013

Como Socorrer um Cão Engasgado

14:29

Cachorros, muitas vezes, são como crianças, além dos cuidados com alimentação, saúde e higiene é preciso estar atento ao que estão fazendo. Como usam a boca para pegar tudo, ou mastigar o que veem pela frente, podem acabar engolindo objetos estranhos sem intenção. Um cachorro engasgado precisa de cuidados imediatos para não sufocar, ficando sem ar o que pode levar ao óbito. Conhecer algumas medidas necessárias de primeiros socorros pode salvar o animal. Saber como socorrer um cão engasgado é essencial para emergências e pode até salvar a vida de seu cão.

Meu cachorro engasgou, e agora?



Para tratar um cão engasgado, é importante conhecer alguns passos, e todos eles devem ser feitos com rapidez. O primeiro envolve checar os sinais de que é um engasgamento realmente. O cão, quando engasga, apresenta sinais como: levar as patas à boca, tosse sem interrupções, baba, esforço grande para respirar, boca, língua ou gengivas levemente azuladas ou esbranquiçadas, vômito, ruídos como se estivesse sentindo dores.

O segundo passo é observar se o cão consegue expelir o objeto que engoliu. Quando ele tossir, pode ser que consiga eliminar sozinho o item. Caso perceba que ele está tendo dificuldades muito grandes de respirar e não consegue colocar para fora o que está obstruindo a respiração, busque ajuda imediatamente. Ligue para o veterinário e informe os sintomas. Ele poderá indicar por telefone o procedimento certo a tomar. Caso não consiga falar com o veterinário, corra para uma clínica 24 horas. É sempre importante saber onde está localizada uma para emergências.

A caminho da emergência é possível realizar primeiros socorros. O primeiro consiste em uma ajuda inicial, Tente abrir sua boca com cuidado e ver o que está em sua garganta, caso consiga visualizar e acredite que é possível pegar, use uma pinça para auxiliar. Caso não consiga ter nenhuma visão do que é, não insista, e não coloque a mão. Isso pode piorar a situação.

Em seguida, tente retirar o objeto que está obstruindo a passagem do ar. Em cães de pequeno e médio porte, segure suas patas traseiras e coloque-o de cabeça para baixo, sacudindo seu corpo para tentar fazer o produto sair. Nos cães de grande porte, mantenha suas patas dianteiras no chão e erga somente suas patas traseiras.

Caso tenha aplicado estes métodos e a obstrução não saia, aplique outro método. Nos cães de até 20Kg: deixe o de pé, utilize as palmas da mão para dar 4 ou 5 golpes em seu peito, na altura das patas. Nos acima de 20Kg: deite- o de lado, coloque a palma da mão no meio do peito, e pressione por 2 segundos, e volte por 1. Repita até 60 vezes esse movimento

Por último, tente aplicar a técnica Heimlich. Este método é muito usado em humanos, e consiste em segurar a pessoa por trás, e com a ajuda dos braços e mãos fazer contrações no peito da pessoa engasgada até que o objeto saia. Este método pode ser feito em cães de grande porte. Se não tiver como fazer nenhum dos métodos citados, é preciso dirigir-se com rapidez ao pronto atendimento veterinário.


Cuidado com Itens Pequenos

Para evitar situações como essa, comece retirando de perto do animal qualquer objeto que ele possa engolir por inteiro, como brinquedos, pedaços de couro, e alguns ossos dependendo do formato e tamanho também podem causar engasgamento. Verifique todos os objetos que estejam espalhados pela casa e ao alcance dos animais. Evite dar comidas como peixe e frango que possuam espinhos ou ossos pequenos para seu pet. Além do risco de engasgar, eles podem ter problemas gastrointestinais.

Artigo publicado por Maria Paula
Fonte: Portal Pets

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

 

© 2013 Espaço VetZoo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top