sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Produtos veterinários vão precisar de receita

15:00


Foto: Jornal O Diário


A partir de maio do ano que vem, 133 substâncias de uso veterinário (entorpecentes, psicóticos, anabolizantes, etc) presentes na Instrução Normativa (IN) 25/2012 só poderão ser vendidas com a prescrição feita por médico veterinário. A IN determina que a receita deverá conter três vias - uma para o estabelecimento que comercializou o produto, outra para o proprietário do animal e a última ficará retida com o veterinário.

O Ministério da Agricultura vai controlar a numeração das receitas, impressão, distribuição dos papéis e fiscalizar se as vendas estão de acordo com a nova regra. A Pasta quer melhorar o controle dos estoques, das vendas e coibir o comércio irregular dos produtos.

"Vamos acompanhar de perto a comercialização e gerar estatística confiáveis das vendas para averiguar possíveis desvios", disse a chefe da Divisão de Produtos Farmacêuticos do Ministério da Agricultura, Lourdes Cristina.

O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) diz que a instrução normativa vai combater a aplicação de quantidades dos produtos acima do indicado, inclusive as utilizadas indevidamente por humanos, como no caso dos anabolizantes.

O Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Saúde Animal (Sindan) acredita que a medida não afetará as vendas do setor. Para o diretor-executivo Nilson Pereira, o controle vai permitir a melhor aplicação dos produtos nos animais e coibir o uso indevido por pessoas. "Uma medida necessária para evitar abusos", diz.


Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

1 comentários:

dogwalker_hugao disse...

Tem que tabelar também os medicamentos veterinarios, pois tem lojas que abusa demais da gente

 

© 2013 Espaço VetZoo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top