quarta-feira, 21 de março de 2012

Tratamentos alternativos em animais: saiba como seu bichinho pode se beneficiar deles

10:55

Não é apenas o ser humano que se beneficia do tratamento alternativo. Os animais também podem tratar seus problemas físicos e emocionais com acupuntura, fitoterapia, e florais de Bach, por exemplo. “Esses tratamentos são eficazes e cada um tem a sua indicação. Faço uso da medicina alternativa há muito tempo, principalmente da homeopatia e da acupuntura. Hoje, tratar o animal dessa forma pode ser menos desgastante para ele, já que causa menos efeitos colaterais”, avalia Maurício Paredes, veterinário e dono da clínica Bicho-Preguiça.

Conheça as diversas formas de tratar o seu bicho de estimação:


Homeopatia

Nesse tratamento, o medicamento que causa o sintoma físico é o mesmo que será usado para restabelecer o equilíbrio do organismo. Os medicamentos são pedidos de acordo com a doença do animal e administrados através da ingestão de água ou ração. Em alguns casos, o veterinário pede comprimidos também. Reconhecida como especialidade desde 1996 pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária, o tratamento é indicado para doenças como cinomose, mal que afeta os órgãos respiratórios e o sistema nervos, alergias e doenças comportamentais. A homeopatia pode dar resultados em poucas horas ou em até 40 dias, dependendo do caso.

Quiroprática

A quiroprática surgiu no século XIX e é baseada na ideia de que a energia nervosa flui através da coluna cervical. Assim, a energia fica bloqueada se a coluna está desalinhada. Os profissionais manipulam o sistema músculo-esquelético com movimentos rápidos e gentis, os ajustes, para restaurar o movimento ou função normal de juntas e tecidos adjacentes. Animais podem usar esse tratamento para problemas como disfunções no estômago e artrite. 

Acupuntura
Colocar agulhas nos bichinhos pode fazer uma grande diferença. O tratamento, praticado há mais de cinco mil anos pelos chineses, tem o intuito de harmonizar a energia QI que circula por todo o corpo. E é justamente esse o trabalho da acupuntura: harmonizar através dos pontos (terminações nervosas) que, estimulados por agulhas, produzem efeitos sobre as regiões corporais (órgãos e sistemas) correspondentes. O tratamento é ideal para cachorros e trata dores em geral: problemas de coluna, doenças do estômago e distúrbios. 

Herbologia

Nada mais é do que a cura pelas plantas, praticada desde o início da humanidade. Hoje em dia, a maior parte dos medicamentos tradicionais e fitoterápicos vêm da natureza. Cães e gatos se submetem ao tratamento através de tintura ou cápsula diluídos na água. Uma boa técnica é misturar a alimentos. O tratamento deve ser feito de dois a sete meses, dando resultados nesse período, sendo indicado para aliviar sintomas em geral e tratamentos preventivos.

Florais de Bach 

A terapia dos florais de Bach surgiu em 1930 pelo inglês Edward Bach, que acreditava no reequilíbrio emocional através das causas, não dos sintomas. Ao todo, são 38 essências, que podem ser misturadas entre si e estas estão divididas em sete grupos que correspondem a estados emocionais: insegurança, desânimo, solidão, desinteresse, medo, ansiedade e hipersensibilidade a influências externas. O remédio é feito por via oral e gotas, servindo para cuidar de animais que tenham transtornos comportamentais em geral.

Fonte: Bolsa de mulher

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

 

© 2013 Espaço VetZoo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top