sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Homeopatia UnB 2º/2011: Homeopatia na Medicina Veterinária.

11:40

Os homeopatas confiam muito na capacidade dos medicamentos homeopáticos. Acreditam tanto que começaram a utilizar nos seus próprios animais, e isso há mais de 200 anos. O próprio Hahnemann (para saber quem é Hahnemann, veja o post da Sabrina http://unbhomeopatia.blogspot.com/2011/10/o-surgimento-da-homeopatia.html) já havia declarado “se as leis da Medicina que proclamo são certas e naturais, elas serão válidas para todos os seres vivos ” e utilizou a homeopatia para curar seu cavalo que tinha oftalmia periódica com a utilização de um medicamento homeopático.

Em 1831, Wilhelm Lux, médico veterinário e frequentador da Sociedade Homeopata de Leipzig (cidade na Alemanha), foi procurado por um criador de cavalos, cujos animais estavam doentes com Mormo (doença infectocontagiosa bacteriana que atinge principalmente equinos mas que pode infectar o homem). Lux usou para o tratamento dos cavalos um medicamento homeopático feito com o uso da secreção nasal dos animais, e no fim alcançou a cura dos animais. Lux então cria o primeiro manual de homeopatia veterinátia (Homeopatic Veterinarium Physician em 1836).

Em 1950, em uma reunião no Centro Homeopático da França, o Dr. Plantureux, do Instituto Pasteur de Alger, apresentou o trabalho “Investigações sobre o tratamento da raiva e outras doenças mediante a homeopatia”. Ele afirmou ter curado 35 casos de raiva usando um nosódio do vírus da raiva e outros remédios homeopáticos, aumentando a fama do uso da homeopatia no tratamento de animais.


A Homeopatia Veterinária é utilizada em animais de todos os portes e até foi aderida por alguns profissionais de zoológicos como na Fundação Parque Zoológico de São Paulo, como diz nesse texto, retirado deste artigo: http://www.feg.unesp.br/~ojs/index.php/ijhdr/article/viewFile/223/249.

“Há 3 anos, alguns animais da Fundação Parque Zoológico de São Paulo estão recebendo tratamento homeopático para tratamento de diversas enfermidades, em especial quando os sintomas predominantes envolvem distúrbios comportamentais. A recuperação clínica desses animais tem sido acompanhada pelos médicos veterinários do zoológico, especialistas em clínica de animais selvagens. São feitos exames clínicos e, se necessário, exames complementares, que são registrados em fichas clínicas apropriadas e por meio de fotografias e filmagens. Para escolha dos medicamentos é utilizado o protocolo para obtenção de proposta terapêutica adotado no Setor de Homeopatia do Hospital Veterinário da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Dentre os animais tratados estão leões-marinhos, lobo-guará, araras-juba, urubu-rei, gavião casaca de couro, gavião pombo, gavião peneira e pinguins”
L. Rangel de Castilhos;M. Galvão Bueno; F. Miranda; A. Setzer; J.L. Catão Dias; L. Figueira Pinto; C. Alvarenga de Oliveira. USP; Fundação Parque Zoológico de São Paulo; UFRRJ, IHB, Brasil

Porém, nem todos os estudos da homeopatia em animais tiveram os resultados esperados.
Em 2003, um estudo clínico feito pelo Instituto Nacional de Veterinária da Suécia, testou a utilização do medicamento homeopático Podophyllum com o fim do combate a diarréia em bezerros, e não obtiveram nenhuma prova da eficácia da homeopatia.
Em outro estudo realizado em 2005 pela Universidade de Cambridge no Reino Unido, testou-se o uso de um medicamento homeopático na tentativa de obter resultados no úbere de vacas que estavam sofrendo de Mastite. Analisando o número de leucócitos encontrados no leite, concluiu-se que a homeopatia no caso não obteve melhores resultados quando comparada com o placebo.


No Brasil, desde 16 de março de 1996, a homeopatia é reconhecida como uma especialidade veterinária pelo Conselho de Medicina Veterinária, pela resolução de número 625, de mesma data.

Por Pedro Augusto de Carvalho Lourenço
Referências:
http://www.feg.unesp.br/~ojs/index.php/ijhdr/article/viewFile/223/249
http://www.greepet.vet.br/homeo_florais.php
http://www.sphv.org/homeopatiaemveterinaria.html
No Effect of a Homeopathic Preparation on Neonatal Calf Diarrhoea in a Randomised Double-Blind, Placebo-Controlled Clinical Trial. K .de Verdier e cols., Acta Vet Scand. 2003, 44: 97–101. 
Controlled clinical trial of the effect of a homoeopathic nosode on the somatic cell counts in the milk of clinically normal dairy cows. M.A. Holmes e cols., Vet Rec., 2005, 156:565-7. 

Written by

We are Creative Blogger Theme Wavers which provides user friendly, effective and easy to use themes. Each support has free and providing HD support screen casting.

0 comentários:

 

© 2013 Espaço VetZoo. All rights resevered. Designed by Templateism

Back To Top